Related Articles

5 Comments

  1. 1

    Duarte

    Muito bom… Grande atitude! Boa sorte para o futuro.

    Reply
    1. 1.1

      Ricardo Raimundo

      Obrigado Duarte. Abraço!

      Reply
  2. 2

    Estevao

    Porque não manteres o site e tirares rendimentos do mesmo (provavelmente já acontece)? Não irias precisar de emigrar 🙂

    Reply
  3. 3

    sandra

    Olá Ricardo! Gostei do seu testemunho, dou-lhe os parabéns, não só pela página,como também pelo seu entusiasmo e perseverança! Compreendo perfeitamente a sua luta diária e revejo-me (tal como tantos outros), nas suas palavras. Tal como a sua namorada, sou também licenciada em Serviço Social e também já ponderei a hipótese de emigrar para a Austrália, mas não sei até que ponto a nossa área está explorada ao ponto de garantir emprego a uma simples jovem, sem experiência na área de formação (como eu). Já pesquisei em vários sites e vou-me apercebendo que o mercado de trabalho australiano, está mais direcionado para as engenharias e para a área da saúde, mas não sei até que ponto poderei estar a desenvolver uma opinião mal fundamentada. Gostaria que me ajudasse neste sentido, a perceber se o mercado australiano tem também uma razoável capacidade de absorção de trabalhadores da minha área especificamente. Muito obrigado!

    Reply
    1. 3.1

      Ricardo Raimundo

      Olá Sandra.

      Toca num ponto fundamental para o mercado de trabalho australiano, a experiência profissional, claro que com maior incidência no mercado de trabalho local. Mas quando me referi ao Serviço Social, estava-me a referir que é uma área/profissão que está incluída na lista SOL (lista de profissões elegíveis para emigração), no entanto, não garante de maneira alguma que se tenha trabalho certo na área, à que explorar e de preferência adquirir experiência.

      E sim, a grande procura está nas engenharias (não todas) e nas áreas da saúde, está correcta a sua análise. Mas são muitas mais as profissões que são necessárias na Austrália, de diversas áreas. Deve-se ter em conta é que o mercado de trabalho australiano funciona com um sistema muito competitivo e exigente, onde a experiência profissional conta e muito. Mas há que avaliar todas as possibilidades, tais como aprofundar conhecimentos por lá, por exemplo num mestrado com trabalho a part-time ou até voluntariado (serviço altamente valorizado).

      Hoje vou escrever um artigo sobre a Austrália e o respectivos visto, fique atenta e tire depois por lá as suas dúvidas. Cumprimentos.

      Reply

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Copyright 2015 Como Emigrar